terça-feira, 16 de setembro de 2008

depositária de vidas

umas vezes por querer, outras vezes por força do trabalho. sou convidada a ser depositária de vidas. assim num ápice apresentam-me de fio a pavio tudinho... sou convidada a intervir, a aconselhar, a orientar.
quando a vida do outro não me toca directamente, parece ser mais fácil delinear um novo caminho a seguir... agora quando é a tua vida que me cai nas mãos, fico a tremer... penso e repenso qual a melhor estratégia para te dizer que estou aqui, para ser depositária da tua vida.*

1 comentário:

Patrícia disse...

E há quem consiga aconselhar e pensar nos outros mas que não o consegue fazer para si :)*