quarta-feira, 2 de julho de 2008


a tua casa humilde sempre me tocou, porque podes ter poucas coisas a decorá-la, mas em cada divisão há sinal de Deus. uma poster na parede de Jesus, noutra Jesus no colo de Maria, um crucifixo e uma pequena imagem de Maria. desde a primeira vez que lá fui, que isso me marcou. e marca-me a forma como falas da tua relação com Deus.


olho a relação que tens com os teus filhos, tem coisas que aprecio e outras que não entendo. e tu fazes questão de me lembrar "ainda não é mãe, Dra!", sempre que se fala dum tema quente sobre algum dos teus filhos. como se fosse um pré-requisito ser mãe, para perceber de afectividade e do jogo de interesses, que se disputa.


tiras pão da tua boca, como muitas vezes o fizeste para dar aos teus filhos. sabes, tens 90 anos os papeis inverteram-se, são eles, os teus filhos que se devem preocupar contigo. devem visitar-te, saber como estás, o que precisas, ter tempo para ti e aliviar-te.


estimo-te. ensinas-me coisas.*

1 comentário:

instantes e momentos disse...

gostei do seu blog, gostei dos textos, das fotos, gostei daqui.
Parabens